Sanduíche de mortadela com muuuita mortadela.

O sanduíche Brazuca, do Bar Mortadela Brasil: lanche pesa meio quilo. Atrás, os arcos e vitrais do Mercadão.

O sanduíche Brazuca, do Bar Mortadela Brasil: lanche pesa meio quilo. Atrás, os arcos e vitrais do Mercadão.

O Mercado Municipal de São Paulo é parte do circuito turístico da cidade. Está sempre cheio de gente, grande parte vinda de outros estados ou países. As centenas de barracas de frutas, legumes, peixes, carnes, queijos, frios e temperos atraem quem vai em busca de ingredientes bons e baratos para cozinhar. O dado recente é que o número de visitantes que chega ao Mercadão com intenção de comer nos restaurantes e lanchonetes já supera o dos compradores tradicionais. Um levantamento aponta que a proporção está hoje em 60% a 40%.

O pastel de bacalhau e o sanduíche de mortadela estão entre os lanches mais procurados. O site do Mercadão lista quatro dezenas de lanchonetes dentro do espaço. Entre as famosas, o Bar do Mané, Elídio Bar, Hocca Bar e Mortadela Brasil. O Menu da Lu visitou esta semana essa última, que fica no box quatro do mezanino.

O cardápio é abrangente e variado. Mas as primeiras coisas, primeiro. Então, vamos falar dos sanduíches de mortadela. São 25 variedades, sempre feitas nas duas opções de pães de 80 gramas: baguete com parmesão ou pão francês. A mortadela usada é da marca Marba Bologna, de três tipos: a tradicional, a defumada (com sabor mais intenso) e a italiana – esta última de gosto mais suave, já que menos condimentada.

Se você quiser começar com calma e guardar espaço no estômago, a sugestão é pedir o Mortadela Júnior (frio ou quente), no pão francês, com 100 gramas de mortadela. Custa R$13. Um pouco mais de fome? Vá de Tradicional, que leva 250 gramas de mortadela e queijo prato ou mussarela, ambos esquentados na chapa (R$ 19,50). Caso queira já partir para um lanche suculento, peça de Brazuca (R$ 24). A baguete com parmesão vem recheada de uma quantidade generosa de mortadela, bacon crocante, queijo cheddar e alface americana. De acordo com José Carlos Freitas, um dos proprietários, o lanchão pesa meio quilo. Lançado em 2006, foi premiado no festival gastronômico Brasil Sabor do mesmo ano. E há oito anos é o sanduíche mais pedido no bar Mortadela Brasil (inaugurado em 2004).

Bolinho de bacalhau: porção vem com duas unidades de 100 gramas cada. Custa R$ 17,50.

Bolinho de bacalhau: porção vem com duas unidades de 100 gramas cada. Custa R$ 17,50.

Há ainda sanduíches de lombo canadense, pernil, carne seca, entre outros recheios. E variados preparos com bacalhau, incluindo o enorme pastel, que custa R$17,50, mas é do tamanho de uns quatro ou cinco pasteis de feira. E os bolinhos – na porção com dois (100 gramas cada), também vendida a R$17,50.

Aguenta a sobremesa? Há o pastel de banana cristalizada com chocolate e pastel Romeu e Julieta, com queijo e goiabada. Ambos, R$12.

Pastel de banana cristalizada com chocolate, do Bar Mortadela Brasil.

Pastel de banana cristalizada com chocolate, do Bar Mortadela Brasil.

Para beber, a boa pedida é o chope Brahma, claro ou Black (com 350 ml, custa R$8). As cervejas são vendidas em lata: Brahma (R$6), Bohemia (R$7), Skol (R$6), Budweiser (R$7) e Malzbier (R$7). Refrigerantes (R$5); sucos naturais de 400 ml, de R$ 7,50 a R$ 8) e café expresso Lavazza, R$ 4.

O serviço é mais do que atencioso, quase carinhoso. Os garçons, alguns bilíngues ou trilíngues (falam inglês e espanhol), tentam adivinhar as necessidades dos clientes. Converse com um deles antes de decidir qual lanche pedir. Eles sabem direitinho qual indicar para atender às expectativas e ao tamanho da fome de cada um.

Se a casa não estiver cheia e puder escolher o lugar, sente-se a uma mesa voltada para os vitrais do Mercadão. A vista da bela arquitetura vai certamente tornar mais agradável a refeição.

Depois, talvez você se anime a percorrer os corredores e comprar o bacalhau para a Páscoa, um bom queijo para o aperitivo da noite ou morangos frescos para o café da manhã do dia seguinte.

 

O agito do Mercadão: barracas de frutas, legumes, peixes, carnes, queijos, frios e temperos atraem quem vai em busca de ingredientes bons e baratos para cozinhar.

O agito do Mercadão: barracas de frutas, legumes, peixes, carnes, queijos, frios e temperos atraem quem vai em busca de ingredientes bons e baratos para cozinhar.

Mortadela Brasil.

www.mortadelabrasil.com.br

Mercado Municipal Paulistano.

Rua da Cantareira, 306 mezanino Box 4.

Tels: (11) 3311-0024 e 3229-9457.

Funciona de segunda a sábado das 8h às 18h e aos domingos  e feriados das 8h às 16h.

Pagamento: Não aceita cheques. Aceita cartões Visa, Amex, Credicard e Diners. Vale Alimentação: Visa Vale, VR, VR Smart, Sodexo e Ticket Restaurante de papel.

Possui acesso para deficientes.

Estacionamento: Zona Azul, dentro do Mercadão. Há vários estacionamentos particulares nos arredores, mas todos bem caros, começando em R$ 20 na primeira hora.

Melhores dias para ir: segunda a quinta. É tudo mais tranquilo, com menos gente circulando.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*